Sensibilidade do Valor das Ações às Variações do Risco de Descontinuidade: um estudo das mudanças nos critérios de avaliação ocasionadas pela lei 11.638/07 - Contabilidade & Métodos Quantitativos

Contabilidade & Métodos Quantitativos

Contabilidade & Métodos Quantitativos

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Sensibilidade do Valor das Ações às Variações do Risco de Descontinuidade: um estudo das mudanças nos critérios de avaliação ocasionadas pela lei 11.638/07

A Lei nº 11.638/07 abriu espaço para que o Brasil iniciasse o processo de convergência ao IFRS. Essa alteração gerou algumas mudanças na estrutura patrimonial das entidades obrigadas a divulgar suas informações com base nessa Lei. Sabendo dessas alterações na estrutura patrimonial das entidades, o presente trabalho objetivou analisar a sensibilidade do valor das ações às prováveis variações no risco de descontinuidade ocasionadas pelas mudanças nos critérios de avaliação oriundos da Lei nº 11.638/07. Para isso, definiu-se uma amostra composta pelas empresas do setor de energia, conforme a classificação dada pela Revista Exame Maiores e Melhores (2009) e que tinham cotação na BM&F Bovespa. A variável “risco de descontinuidade” foi representada pelo fator de insolvência de Kanitz (1978). O objetivo foi verificar a variação do risco (fator de insolvência) com dados do mesmo exercício (2007), porém mensurados com duas bases: Lei 6.404/76 e 6.404/76 alterada pela 11.638/07 e, posteriormente, analisar o quanto as variações no risco de descontinuidade explicam as variações ocorridas no valor das ações de 2007 para 2008. Para verificar se as variações ocorridas no risco de descontinuidade foram significativas, utilizou-se do teste não paramétrico de Wilcoxon e para analisar a sensibilidade das variações no valor das ações às variações no risco fez-se a estimação de um modelo de regressão cúbica. Os resultados apontaram evidências de que a as mudanças ocorridas no risco de descontinuidade, causadas pelas mudanças nos critérios de avaliação, tiveram um grau de relacionamento insignificante em função das variações no preço das ações.

Palavras-chave

Critérios de Avaliação; Lei Societária; Risco de Descontinuidade; IFRS.



 MARTINS, VINÍCIUS GOMES, DIENG, MAMADOU, GIRÃO, L. F. A. P., PAULO, EDILSON, CALLADO, A. L. C., MAZER, L. P.
Sensibilidade do Valor das Ações às Variações do Risco de Descontinuidade: um estudo das mudanças nos critérios de avaliação ocasionadas pela lei 11.638/07. Reuna (Belo Horizonte). , v.16, p.61 - 74, 2011.
Referências adicionais : Português. Meio de divulgação: Meio digitalHome page: [http://revistas.una.br/reuna_una/index.php/reuna/article/view/415/460]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate