Análise de Redes Sociais - Contabilidade & Métodos Quantitativos

Contabilidade & Métodos Quantitativos

Contabilidade & Métodos Quantitativos

quarta-feira, 7 de março de 2012

Análise de Redes Sociais

No início do ano eu (na falta do que fazer para o trabalho final da disciplina de Tópicos Contemporâneos em Contabilidade) comecei a avaliar algumas metodologias para aplicar em trabalhos na área de contabilidade, gerando um post aqui no Blog (Estudos Bibliométricos, foi um dos visualizados e gerou um bom feedback dos nossos leitores).

Aquele post sobre trabalhos bibliométricos deveria ser, e foi, o início de uma série de posts sobre metodologias "bibliométricas" e "cienciométricas" de pesquisa aplicadas à Contabilidade e Finanças.
 Nesse post de hoje falaremos sobre Análise de Redes Sociais - ou ARS (não, não estou me referindo ao Facebook, twitter, orkut, research gate, linkedin ou outra rede social dessas).

A ARS é uma metodologia de pesquisa relativamente nova, pelo menos na nossa área, que foca nas relações entre os entes da "sociedade" e os padrões e implicações dessas relações (Fonte). Ou seja, a partir da “sociedade” analisada, pode-se inferir sobre os padrões de relacionamentos entre ela, buscando explicar alguns comportamentos. Essas relações são apresentadas por meio de grafos (os “gráficos” são chamados de “grafos”, em forma de teia de aranha) e indicadores de centralidade, intermediação, entre outros.

Como esse post é apenas uma introdução à ARS, a apresentação das medidas utilizadas nessa metodologia e os softwares específicos para isso serão apresentados em postagens futuras.

Richardson (Fonte) diz que a “ARS é baseada na ideia de que o poder e influência nos grupos é exercido por ligações entre membros e que a posição de um indivíduo em, e a estrutura de, uma rede de ligações pode ser usada como previsão da dinâmica do grupo ou relações individuais”.

Como exemplos de aplicações da ARS, podemos citar as interações entre os traficantes de um determinado local com os de outros locais, com o objetivo enxergar padrões de atuação; o relacionamento entre os membros de conselhos administrativos de empresas fraudulentas com seus auditores; bem como a relação entre autores que publicam em determinados periódicos e os seus respectivos editores.

APLICAÇÃO DA ARS NA PESQUISA CONTÁBIL
Machado, Nascimento e Murcia (Fonte) descreveram a produção científica na área ambiental e social, no Brasil. Os autores analisaram 80 artigos apresentados nos principais eventos da área, encontrando um montante de 422 trabalhos de autoria dos 157 autores da amostra utilizada, o que dá uma média de 5 citações por artigo, entre outros achados. A relação entre os autores foi expressa por meio do grafo abaixo:

Já no seu trabalho, Rosa et al (Fonte) , analisaram as relações entre os autores que mais publicavam e os que mais eram citados, na área de gerenciamento de resultados. Os autores encontraram uma rede um pouco menos interligada que a anterior, conforme grafo abaixo:
Quando acontece tal fato, pode-se atestar e analisar a existência de colégios invisíveis, ou virtuais. Essa análise é mais comum com Instituições de Pesquisa, onde podemos observar que Instituições em países ou em áreas diferentes, por exemplo, pesquisam em conjunto, mesmo não estando no mesmo ambiente físico. Esse fenômeno é importante para o desenvolvimento da pesquisa, pois pode-se considerar em um mesmo trabalho experiências geográficas e acadêmicas distintas.

APLICAÇÃO DA ARS NA DESCOBERTA DE CRIMES
Nessas duas últimas seções desse post eu irei falar sobre essas aplicações de uma maneira lúdica, utilizando filmes como exemplos.

O primeiro caso é o do filme Sherlock Holmes: o Jogo das Sombras (veja mais sobre o filme aqui). 

Nesse caso, quando Watson chega à casa de Holmes, ele se depara com algo que parece ser mais uma loucura do detetive, porém, com a devida explicação e com o decorrer dos fatos, a teia criada por Holmes parece fazer sentido. Aquela teia utilizada pelo detetive nada mais é do que uma forma muito rudimentar de se fazer ARS, conforme vocês podem averiguar nos vídeos abaixo:


APLICAÇÃO DA ARS NA DESCOBERTA DE CONSPIRAÇÕES
O segundo caso lúdico da ARS é de um dos filmes mais inspiradores que eu já assisti: Uma Mente Brilhante (veja mais sobre o filme aqui). 

O Professor Nash, após achar que poderia deixar de tomar seus medicamentos contra esquizofrenia, volta ter contato com seus “amigos invisíveis” (talvez de algum “colégio invisível”) que o falam sobre uma possível conspiração. Nash, com toda a sua inteligência utilizada para enxergar padrões em tudo, principalmente em jornais, começa a fazer uma coletânea de trechos dos jornais da época, objetivando achar mensagens dos inimigos de seus país. Isso com a ARS, claro. 

Confira o vídeo abaixo:

Atualizando: dia 01/07/2013.
Estou acompanhando uma série nova, chamada Hannibal, lá eles têm usado as redes sociais para descobrir crimes. No episódio 2 e 4 podemos ver isso. No momento não tenho vídeos sobre eles.

Se os leitores do Blog souberem de mais aplicações da ARS em filmes, peço o favor de nos comunicar. Dessa forma poderemos atualizar o post. Obrigado!

Obs.: percebam que eu evitei ao máximo falar muito sobre os filmes para evitar dar respostas aos que ainda não assistiram.

2 comentários:

Translate